• Cadastre-se
  • Equipe
  • Contato Brasil, 22 de fevereiro de 2024 04:00:23
Em Tempo Real
  • 20/11/2023 06h42

    Após desmaios por calor e falta d’água que resultaram em morte no show de Taylor Swift, ministro Flávio Dino determina medidas oferta de água no segundo dia de show no Rio de Janeiro

    As providências estão sendo tomadas pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon)
    Foto: Arquivo Política Real

    Flávio Dino

    ( Publicada originalmente às 12h 55 do dia 18/11/2023) 

    (Brasília-DF, 20/11/2023) Ontem, 17, em show da cantora norte-americana Taylor Swift, no estádio Nilton Santos, o Engenhão, no Rio de Janeiro, em dia que a sensação térmica na Capital Carioca chegou a 60ºC pessoas desmaiaram e houve a morte da jovem Ana Clara Benevides por calor e falta de acesso a água.   Neste sábado, o  ministro da Justiça e Segurança Pública (MJSP), Flávio Dino, anunciou a adoção imediata de providências em resposta às denúncias de vedação ou ausência de disponibilidade de água para os consumidores em shows, em meio à intensa onda de calor que assola o Brasil.

    A medida está respaldada pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC), que exige a garantia de serviços seguros e adequados à saúde. Nesse sentido, Dino classificou como inaceitável que pessoas sofram, desmaiem ou até mesmo morram devido à falta de acesso à água em eventos públicos.

    "Orientei o secretário nacional do Consumidor do MJSP, Wadih Damous, a adotar as providências cabíveis, ainda neste sábado ,18, quanto às denúncias de vedação ou ausência de disponibilidade de água para os consumidores que foram ou irão a shows durante essa imensa onda de calor que o Brasil atravessa", afirmou. Ele ainda destacou que essas medidas visam não apenas prevenir problemas imediatos, mas também responsabilizar os envolvidos pelos danos já causados.

    A Senacon será responsável por produzir a edição de normas emergenciais e notificações, acerca do acesso à água em shows e em outros espetáculos públicos, além de adotar medidas relativas à responsabilização por situações já ocorridas, em diálogo com os demais órgãos do Sistema Nacional do Consumidor.

    ( da redação com informações de assessoria e redes sociais. Edição: Genésio Araújo Jr.)


Vídeos
publicidade