• Cadastre-se
  • Equipe
  • Contato Brasil, 23 de outubro de 2020 08:28:16
Em Tempo Real
  • 16/10/2020 07h22

    COMENTÁRIO DO DIA: Pés no chão

    Ouça o comentário da Política Real
    Foto: Feng Shui

    Com os pés no chão!

    ( Publicada originalmente às 09h 22 do dia 15/10/2020) 

    (Brasília-DF, 16/10/2020)  Mais um dia sem sessões na Câmara e no Senado.

    Os mercados começaram o dia em baixa face aos casos de covid-19 na Europa.  Muita repercussão negativa com a “batida” da Polícia Federal na casa do senador Chico Rodrigues.

    O Presidente Jair Bolsonaro recebe,hoje,  alguns de seus ministros e um ministro do UMUn que tem original no Progressitas, o partido do Centrão.

    Os mercados no Brasil estão ansiosos com o que virá na semana que vem por conta de sabatinas de indicados de Bolsonaro.

    Mas, e pandemia, heim?!

    OUÇA AQUI

    LEIA AQUI

     

    COMENTÁRIO

    Estamos vivendo 218 dias de pandemia do covid-19, faltam 30 dias  para as eleições muni cipais no Brasil, faltam 19 dias para as eleições americanas.

    A pandemia  está em queda em quase todo o País, se a eleição presidencial fosse hoje o Presidente Bolsonaro provavelmente seria reeleito. Ontem, num evento de posse do novo comando da Federação das Indústrias do Rio de Janeiro, Firjan, ele disse que a pandemia foi superdimensionada.

    Não é bem assim. Ontem, um famoso jornalista morreu aqui em Brasília, passou 84 dias na UTI, tinha pouco mais de 60 anos, vai dizer que foi uma gripezinha, vai dizer isso para família dele!

    A Europa, onda a crise da pandemia começou feia, voltou a ter problemas em série na França, Espanha, Alemanha e, em Portugal, foi decretado estado de calamidade. O Presidente Donald Trump, que foi outro que sempre tratou a pandemia como coisa menor ,corre o sério risco de perder a eleição de lavada mesmo enfrentando um candidato que não é de empolgar, tudo por conta da pandemia.

    Infelizmente, nada garante que não poderemos viver algo que o europeus estão voltando a viver. Gostaria muito de concordar com nosso presidente, crer que o pior já passou, que o futuro é o melhor dos cenários.

    A vacina contra o Covid-19, agora é certo, só poderá ser uma realidade depois de abril de 2021. A OMS fala que todos no planeta, só em 2022.

    O que nos move são os dias melhores de amanhã, mas não vamos esquecer dos pés no chão.

    Foi Genésio Araújo Jr, de Brasilia

    ( da redação)