• Cadastre-se
  • Equipe
  • Contato Brasil, 19 de setembro de 2021 20:57:06
Nordestinas
  • 04/06/2021 20h00

    VACINAS: Governadores, após autorização de importação para Sputnik V e Covaxin, pedem agilidade para a Butanvac

    Veja mais
    Foto: imagem de Streaming

    W.Dias fala em declaração

    (Brasília-DF, 04/06/2021) Mal saiu a decisão da diretoria da Anvisa(Agência Nacional de Vigilância Sanitária) em favor da importação da Sputnik V e Covaxin, os governadores, representado pelo governador do Piauí, Wellington Dias(PT), enviaram pedido/ofício dirigido ao diretor presidente da agência, Contra Almirante Antônio Barra Torres para que a instituição dê agilidade para o “imunizante brasileiro”  butanvac, do Instituto Butantan.

    W.Dias ressalta que já existe 7 milhões de doses prontas para serem ofertadas.

    “Tendo em vista que há, aproximadamente, 7 milhões de doses prontas e armazenadas da Butanvac, com a expectativa de que um total de 40 milhões seja produzido até setembro deste ano, a oportunidade urge esforços redobrados, sem descuidar das regras de segurança e qualidade, tão caras à Anvisa.”, afirma Dias no documento.

    Veja o texto do novo ofício dos governadores a Anvisa:

    Ao Senhor

    Diretor-Presidente Antônio Barras Torres Agência Nacional de Vigilância Sanitária Brasília - DF

    Assunto: Solicitação. Celeridade na análise do uso de insumos e vacinas. Covid-19.

    Senhor Diretor-Presidente,

    Cumprimentando-o cordialmente, os Governadores dos Entes Federados brasileiros, diante da possibilidade de agravamento da pandemia que ora aflige o país, dirigem-se a V.Sa. a fim de solicitar os bons préstimos no sentido de conferir mais celeridade à fase de testes do processo produtivo de insumos farmacêutico ativos - IFAs que serão utilizados na fabricação da vacina Oxford/Astrazeneca pela Fiocruz. Desse modo, expressam esperança de que, com o êxito recente da consolidação da transferência de tecnologia, a produção do referido imunizante seja alavancada.

    Outrossim, os Governadores do Brasil manifestam satisfação com os passos logrados e com as etapas concluídas no âmbito das tratativas, entre a Anvisa e o Instituto Butantan, para a aprovação do desenvolvimento e uso da vacina Butanvac. A esse respeito, ciosos do inabalável compromisso de salvar vidas, pedem às autoridades dessa Agência Reguladora que deem máxima urgência no acompanhamento e na análise, com vistas à potencial aprovação, das fases 1, 2 e 3 de testes do imunizante brasileiro. Tendo em vista que há, aproximadamente, 7 milhões de doses prontas e armazenadas da Butanvac, com a expectativa de que um total de 40 milhões seja produzido até setembro deste ano, a oportunidade urge esforços redobrados, sem descuidar das regras de segurança e qualidade, tão caras à Anvisa.

    Às expectativas de que tais solicitações sejam contempladas, soma-se a aguardada aprovação para uso emergencial das vacinas Sputnik V e Covaxin, o que possibilita vislumbrar um resultado satisfatório para o compromisso dos Governadores brasileiros de ampliar em larga escala a vacinação em todo o território nacional.

    Certos de contar com a habitual prestimosidade de V.Sa., renovam os protestos de elevado apreço e consideração.

    Atenciosamente,

    WELLINGTON DIAS

    Governador do Estado do Piauí

    Coordenador da temática Estratégia para vacina contra Covid-19 Fórum Nacional de Governadores

     

    ( da redação com informações de assesosria. Edição: Genésio Araújo Jr)