• Cadastre-se
  • Equipe
  • Contato Brasil, 25 de março de 2019 09:09:52
Nordestinas
  • 10/01/2019 08h14

    Bolsonaro defende não apoio ao Pacto Migratório e diz que não vai ser qualquer um que entrará no Brasil

    Chegada de estrangeiros para determinas ocupações é vista como boa por especialistas em geografia humana
    Foto: Imagem do Twitter

    Jair Bolsonaro é contra pacto da ONU

    ( Publicada originalmente às 08h 36 do dia 09/01/2019) 

    (Brasília-DF, 09/01/2019) Em dia que vai cumprir agenda essencialmente política, o presidente Jair Bolsonaro começou o dia, em suas redes sócias, especialmente o Twitter, defendendo a posição de seu governo contra o Pacto Migratório das Nações Unidas.

    Bolsonaro entende que “quem porventura viar para cá( Brasil) deverá estar sujeiro às nossas leis, regras e costumes, bem como deverá respeitar nossa cultura.”.   O Presidente avalia que “não é qualquer um que entrara no Brasil via pacto adotado por terceiros”.

    Jair Bolsonaro inaugura uma postura que nunca foi defendida pelo Brasil, que sempre foi receptivo a imigrantes.  Especialistas em geografia humana consultados pela Política Real avaliam que o chamdo fim do bônus demográfico chegando ao Brasil será interessante recebermos no Brasil algumas populações que estejam aptas a desenvolver algumas atividades que tendem a aumentar nossa produtividade. Nos Estados Unidos, o “Vale do Silício” é formado por muitos profissionais estrangeiros. A grande riqueza nos Estados Unidos, hoje, vem da alta tecnologia.

    ( da redação com informações do Twitter. Edição: Genésio Araújo Jr )