• Cadastre-se
  • Equipe
  • Contato Brasil, 14 de novembro de 2019 01:16:16
publicidade


Nordestinas
  • 17/09/2019 07h14

    RN: Fátima Bezerra, no encontro Brasil-Alemanha, disse que trabalha para melhorar o ambiente de negócios e segurança jurídica; governadores nordestinos participaram da abertura do evento

    O encontro é promovido na capital potiguar pela Confederação Nacional das Indústrias (CNI), ao lado da Federação das Indústrias do RN (Fiern), em parceria com a Federação das Indústrias Alemãs (BDI, sigla em alemão)
    Foto : site do Governo do RN

    Fátima Bezerra falou no evento Brasil-Alemanha

    ( Publicada originalmente às 21h 14 do dia 16/09/2019) 

    (Brasília-DF, 17/09/2019) A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra,  falou diante de mais de mil empresários e investidores do Brasil e da Alemanha reunidos no Centro de Convenções de Natal, durante a abertura oficial do 37° Encontro Econômico Brasil-Alemanha (EEBA), que voltou a ser realizado no Nordeste após 14 anos, um dos principais fóruns bilaterais do país. Fatima disse que está trabalhando para melhorar o ambiente de negócios e a segurança jurídica e destacou os potenciais de desenvolvimento do Rio Grande do Norte e os ganhos com a aproximação entre o estado e o país europeu.

    "O estado tem todo o interesse em ampliar parceria comercial com a Alemanha. E nosso interesse vem acompanhado de ações concretas. Estamos fazendo um esforço concentrado para melhorar o ambiente de negócios no Estado. Atuando, com todo foco, para garantir segurança jurídica. Promovemos a reformulação da política de incentivo fiscal, com uma política inteligente, que já está rendendo frutos. Nossa diretriz é a formação de um ambiente favorável aos negócios. Tenho certeza que, em breve, nosso estado não será conhecido apenas por suas praias paradisíacas, sua natureza estonteante, sol e vento constantes, mas por ser uma terra de excelentes oportunidades de negócios", afirmou a governadora.

    O encontro é promovido na capital potiguar pela Confederação Nacional das Indústrias (CNI), ao lado da Federação das Indústrias do RN (Fiern), em parceria com a Federação das Indústrias Alemãs (BDI, sigla em alemão).

    A Alemanha ocupa hoje o 7° lugar entre as nações que são parceiras comerciais do RN. Visando estreitar os laços e ampliar a parceria, a governadora pontuou as ações da gestão estadual para melhorar o ambiente de negócios. O discurso ainda foi precedido de um vídeo que resumiu as potencialidades do estado em áreas como turismo, geração de energia e mineração.

    O diálogo aberto entre o Governo do Estado e as entidades empresariais potiguares, que tem gerado resultados como o Programa de Estímulo ao Desenvolvimento Industrial (Proedi) e a redução dos impostos sobre o querosene de aviação, também foi destacado no discurso da governadora. "Nosso governo está de mãos dadas com instituições parceiras e com a iniciativa privada para impulsionar o desenvolvimento. Nesses quase nove meses de governo, mantivemos diálogo com vários setores da atividade econômica", disse Fátima.

    A sintonia entre Governo e a classe produtiva foi reforçada pelos discursos dos presidentes da CNI, Robson Braga de Andrade, e da Fiern, Amaro Sales.

    "O RN tem muito a oferecer para o Brasil e para a Alemanha. E o momento converge a favor da aliança entre os nossos países, a partir Nordeste e do RN, a partir do diálogo constituído pela governadora para aproximação com a classe empresarial desde o início do governo", apontou Amaro. "O encontro Brasil-Alemanha é um sucesso. A partir daqui podemos identificar novas oportunidades de negócios, já que o Nordeste tem a Alemanha como 3° principal destino de exportação", pontuou Robson.

    Após a abertura, a governadora Fátima Bezerra, ao lado dos governadores Rui Costa (Bahia), Belivaldo Chagas (Sergipe), Wellington Dias (Piauí) e João Azevedo (Paraíba), visitou os stands das federações de indústrias e comércio, dos governos de estados brasileiros e alemães espalhados por todo o pavilhão novo do Centro de Convenções.

    Também fizeram parte da abertura oficial do 37º EEBA o prefeito de Natal, Álvaro Dias, o deputado federal Eduardo Bolsonaro, o presidente da Comissão para América Latina da Indústria Alemã (LADW) e membro do conselho da Volkswagen, Andreas Renschler, o coordenador de relações institucionais da Apex-Brasil, Gerson Menandro, e o Secretário de Negociações Bilaterais no Oriente Médio, Europa e África do Ministério das Relações Exteriores, mbaixador Kenneth Nóbrega.

    ( da redação com informações de assessoria. Edição: Genésio Araújo Jr)