• Cadastre-se
  • Equipe
  • Contato Brasil, 18 de outubro de 2017 08:54:58
publicidade


Marcos Rosetti
  • 08/05/2017 15h52

    Lula vai negar até a morte que roubou

    Lula usa a mesma estratégia do ex-governador de São, Paulo Maluf (PP), que negou tanto que tinha roubado que acabou livre, leve e solto

    Lula e Maluf, juntos em atos e omissões( Foto: site AG. Congresso)

    O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que os investigadores da Lava Jato “já têm a tese pronta” em relação a ele e ao Partido dos Trabalhadores. 

    “Eu já prestei seis depoimentos e eles não querem a verdade”, disse Lula durante a abertura do 6º Congresso Estadual do PT em São Paulo.

    E qual é a verdade? a Petrobras não foi saqueada? dinheiro de obras superfaturadas não pagaram campanhas políticas de Lula e de Dilma?, e de centenas de outros petistas?

    O dinheiro que os delatores já devolveram após acordo judicial eram fruto do salário deles nos governos petistas? O povo não é otário.

    Lula usa a mesma estratégia do ex-governador de São, Paulo Maluf (PP), que negou tanto que tinha roubado que acabou livre, leve e solto. 

    E graças ao volume astronômico dos saques do PT esqueceram do ex-ícone da corrupção nacional.

    DITADURA DA VÍTIMA

    O PT e o ex-presidente Lula não tem outra alternativa; só negar todas as evidências, acusações, valores,contas bancárias, e-mails, fotos, depoimentos, datas, registros oficiais, dados do Banco Central e de bancos internacionais.

    Repete a poderosa estratégia nazista. Propagar uma mentira até que ela seja aceita como verdade. 

    A banca de 36 advogados constituida para defender Lula, senadores do PT, Instituto Lula e o Diretório Nacional, exaltam a mesma receita de defesa.

    Essa mesma prática se tornou comum na década de 30, na Alemanha, graças a Joseph Goebbels, ministro da propaganda no governo nazista de Adolf Hitler.

    Negaram tantas vezes a existência das câmaras de gás que até hoje tem gente que nega o holocausto, como o imbecil do ex-presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad.

    Em 2005 ele disse que a ocorrência do Holocausto -massacre de mais de 6 milhões de judeus durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945) pelos nazistas -  não existiu. 

    A pesquisa FOLHA mostrando que Lula está vivo e lidera as intenções de voto um eventual primeiro turno, a morte de D.Mariza, de desgosto, e as decisões da 2ª turma do STF que começou a soltar corruptos como José Dirceu, deram uma sobrevida temporária ao PT e a Lula.

    Mas isso será por pouco tempo. Com tantas evidências será impossível manter a verdade presa e os criminsoso soltos.