• Cadastre-se
  • Equipe
  • Contato Brasil, 20 de outubro de 2018 09:40:58
Política de Brasília para Brasília
  • 13/09/2018 07h23

    "Valorização dos agentes comunitários e de vigilância ambiental em saúde é fundamental para o DF", diz Fátima Sousa candidato do PSOL, no DF

    A proposta da candidata é vincular os agentes comunitários e de vigilância ambiental em saúde às equipes de saúde da família

    Fátima Souza em reunião com servidores(foto: assessoria)

    A assessoria da candidata da coligação PSOL/PCB ao Governo do Distrito Federal, Fátima Sousa, informa que ela participou de reunião com os dirigentes do SINDIVACS-DF (Sindicado dos Agentes de Vigilância Ambiental em Saúde e Agentes Comunitários de Saúde do Distrito Federal) nessa quarta-feira, 12.

    Fátima apresentou os compromissos do plano de governo para expandir a atenção básica à saúde e destacou que a fortalecimento dessas categorias é fundamental para "aperfeiçoar a estratégia de saúde da família no DF".

    Sousa revelou que, em seu governo, esses profissionais serão vinculados às equipes de saúde da família, pauta histórica da categoria que nenhum governo conseguiu atender. A proposta agradou os agentes comunitários e de vigilância ambiental em saúde.  "Nós estamos comprometidos a não somente ampliar o número de agentes, mas garantir o processo de trabalho e assegurar a remuneração, valorizando as atividades que desempenham para o bem viver na cidade. Isso faz parte da revolução que a saúde do DF necessita", explicou Fátima.

    De acordo com a candidata, a estratégia é assegurar que todas as cidades do Distrito Federal estejam cobertas por equipes de saúde em casa formadas por médico generalista, dentista, enfermeiro, técnico de enfermagem, técnico de saúde bucal, agentes comunitários de saúde e de vigilância. Fátima lembrou que para atender todo o DF são necessárias 1.200 equipes, quando hoje há menos de metade desse número.

    "Os agentes serão protagonistas, pois apoiarão às ações para promover melhores comportamentos de saúde entre os moradores. Funcionarão como um canal para acolher as necessidades das comunidades e apresentar as demandas para a melhoria do serviço de saúde como um todo", esclareceu Fátima.

    Atendendo aos compromissos de campanha, no final da manhã, Fátima foi sabatinada pelos apresentadores de uma emissora de TV em Brasília. À noite, ela participou de panfletagem e conversa com alunos de uma faculdade particular da cidade.

    ( da redação com informações de assessoria)